Disney Baby

A grama e a saúde

Por Jorge Freire Jr.

Faz quanto tempo que você não leva seus filhos a um parque?

A grama e a saúde

Quando o meu filho tinha um ano - isso em 2011 -, ele não curtia ficar na grama. Ao colocar a mão nela, era claro o desconforto que ele sentia.

Devargazinho, incentivamos ele a perder o medo da grama e, em pouco tempo, o trabalho que tínhamos era para evitar que a grama servisse de refeição.

Sério, ele adorava pegar grama e comer.

Para a minha filha mais nova - de 10 meses - apresentamos a grama esses dias, pois ela começou a engatinhar. 

Certamente com a ajuda do irmão mais velho, começou a desbravar lindamente aquele chão verde e natural.

Estávamos no parque que tem dentro do nosso condomínio e uma vizinha passou e achou tudo lindo e maravilhoso. Crianças fora de casa, longe dos videogames e brincando de verdade!

As crianças precisam ter contato com a natureza. Sentir a grama, a natureza, é importante demais.

O brincar na terra não ajuda apenas a fortalecer o sistema imunológico, como também desenvolve a sensibilidade e o tato dos Jovens Padawans.

E isso é primordial para o desenvolvimento pleno e para a saúde física e mental.

Pais e mães, vamos ter equilíbrio e oferecer todas as oportunidades que esse mundo oferece hoje para os nossos filhos.

Vamos tirá-los de casa, levar para os parques e deixá-los explorarem campos gramados.

(Foto: Arquivo pessoal)

comentarios natureza, parques, grama, diversão